Skip to main content
Gestão de Pessoas

O que é a jornada do candidato e porque ela é tão importante para a marca empregadora?

By outubro 15, 2021No Comments

Os profissionais que estão à procura de um emprego e entram em processos de recrutamento e seleção passam por algumas etapas como triagem, entrevistas, testes, etc. Estas etapas podem ser chamadas de jornada do candidato, que é o caminho até a desejada contratação.

Mas você sabe qual a importância de ter uma jornada definida e que diferença isso faz para os seus processos e para a própria empresa? Bom, aqui vamos falar sobre esse assunto. Espero que este artigo ajude você a melhorar seu recrutamento e a melhorar a experiência dos seus candidatos.

O que é a jornada do candidato?

Assim como existe a jornada do cliente, no marketing, o Recrutamento e Seleção faz um processo bastante parecido com  o candidato. E por isso, eles são vistos como clientes para o RH.

Como dito anteriormente, a jornada do candidato nada mais é que o caminho que ele percorre desde a descoberta da vaga até a contratação. 

Mas quais são as etapas dessa tal jornada do candidato?

A jornada do candidato possui geralmente 5 etapas: Descoberta, Interesse, Candidatura, Seleção e Contratação.

Ele funciona junto com o funil de recrutamento, que também traça uma jornada para o candidato caminhar durante o processo seletivo. Portanto, as etapas são:

1.  Atração – Visitantes  

A primeira etapa é a atração, ela se inicia quando um profissional toma conhecimento da vaga de emprego. Dessa forma, quando ele entra no portal de candidato, na página de carreiras para ter mais informações a respeito da vaga, ele torna-se um visitante.

Esse é o primeiro contato de possíveis candidatos com a vaga. Portanto, essa fase pode fazer com que o anúncio chegue ou não aos talentos certos. Por isso é importante atentar-se à descrição de vaga.

2. Conversão – Candidatos 

Após a atração, quando o visitante se identifica com a descrição de vaga e faz a candidatura, ele é convertido em candidato.

Portanto, é nessa etapa que o RH conhecerá os perfis que se candidataram e, se os perfis forem compatíveis à vaga, serão convocados para a próxima etapa.

É muito importante, para uma boa experiência do candidato, que o processo seja o mais facilitado possível. Pois quanto menos difícil for, menos problemas você terá.

Por isso, usar softwares de recrutamento pode ser uma boa opção.

3. Convocados – Entrevista

A terceira etapa é a entrevista, quando o candidato é convocado pela empresa para dar continuidade ao processo.

Esta etapa abrange a entrevista em si e também testes comportamentais e avaliações técnicas. Pois é através desta fase que você conhecerá melhor cada candidato.

4. Selecionados 

Etapa dos selecionados. A quarta fase da jornada dos candidatos é após a realização de todos os testes e entrevistas, essa é a hora que você deve fazer a escolha do candidato ou candidatos que devem ocupar as vagas.

Nesse momento você deve enviar uma oferta para o candidato e aguardar a sua resposta. Com todas as etapas bem executadas, elas geram uma boa experiência ao candidato, assim é muito provável que ele aceite a proposta e seja contratado.

5. Colaboradores

Por fim, ele deixa de ser apenas um candidato e torna-se um colaborador. Depois que ele aceitar a proposta, é oficializada a contratação e se dá início ao onboarding do novo colaborador.

Qual a importância da jornada do candidato?

O RH sabe muito bem que ter bons profissionais é sinônimo de bons resultados. Mas não é tão fácil assim encontrar pessoas qualificadas e que realmente tenham “match” com a sua empresa.

Por isso, investir na jornada do candidato pode ser muito importante para boa contratação e retenção de talentos, tornando-se um fã da marca. E isso reflete diretamente na forma que a marca empregadora será vista pelos candidatos.

Para encontrar e contratar esses profissionais, é preciso, às vezes, repensar no modo de recrutar e selecionar pessoas. Portanto, planejar e entender a jornada do candidato pode ajudar:

  • A atrair mais candidatos;
  • Melhorar a divulgação dos cargos e suas descrições;
  • Tornar os processos de seleção mais objetivos.

Como a jornada do candidato pode ajudar a marca empregadora?

Organizar uma boa jornada do candidato beneficia a empresa de todas as formas possíveis. Por isso, é importante que a marca empregadora invista na atração e retenção de bons profissionais. 

Para ficar mais claro, veja como a jornada do candidato estratégica pode ajudar a sua empresa: 

  • Melhorando a imagem da empresa para os profissionais;
  • Dando mais agilidade ao processo;
  • Melhorando as contratações;
  • Reduzindo a rotatividade;
  • Estreitando as relações dos talentos do mercado com a sua empresa.

Como melhorar a jornada do candidato?

Agora que você entende a jornada do candidato e a sua importância, que tal ver algumas dicas aplicáveis de como melhorar seus processos?

Divulgue nos lugares certos

Sabe aquele ditado: quem não é visto não é lembrado? Pois bem, ele cabe muito bem aqui. Isso porque, a forma que você divulga a sua vaga pode fazer toda a diferença.

Divulgar no lugar errado pode atrair pessoas sem as qualificações que você procura, e acabar um processo cheio de currículos que não tenham nada a ver com o perfil que você procura.

Por isso, entender as necessidades da vaga e qual o perfil ideal para ela é fundamental. Assim você pode mapear os lugares em que os profissionais desta área podem ser encontrados, evitando erros.

Simplifique a candidatura

Como dito anteriormente, é sua opção facilitar ou não a candidatura. Mas entenda que quanto mais simples, menos problemas você terá no decorrer do processo. 

E afinal, ninguém gosta de burocracia, muito menos para candidatar-se a uma vaga, não é mesmo? 

Crie processos de acordo com a função

É muito comum que as empresas tenham padrões de etapas para os processos. No entanto, não personalizar conforme a necessidade das vagas é um erro grave.

Pois algumas fases não condizem com a função e ao invés de ajudar, atrapalha o processo. Além de tornar a jornada do candidato muito exaustiva. 

Aplique testes de perfil psicológico e faça as dinâmicas no mesmo dia, e não aplique testes que não sejam realmente necessários.

Tenha uma comunicação transparente

Um dos pontos mais importantes dentro de um processo é a transparência com os candidatos. Portanto, é imprescindível ser clado desde a divulgação da vaga.

Isso quer dizer que, se você exige alguns requisitos, certifique-se que realmente são indispensáveis para não perder bons profissionais e nem abrir exceções. 

Também é interessante que você dê um panorama sobre o processo, diga quantas e quais são as etapas que os candidatos vão participar. E sempre que possível, deixe eles a par de qual fase eles estão, pois isso ajuda a engajar o candidato.

Lembre-se sempre de dar feedback. Ao desclassificar um candidato dê o retorno para ele com o motivo que o desclassificou, isso conforta e ajuda o candidato a se preparar melhor para outras oportunidades, além de ver a sua empresa de forma mais humanizada.

Invista em tecnologia

Usar a tecnologia a seu favor pode, além de facilitar seu trabalho, melhorar a jornada do candidato. É importante encontrar uma ferramenta que seja intuitiva, que facilite o preenchimento das informações do candidato.

Além disso, um software de recrutamento pode ajudar na triagem. Pois dependendo do volume, analisar currículo por currículo demanda tempo e muito esforço, principalmente se o setor precisar contratar com urgência.

contratando com urgência

Dessa forma você pode adicionar filtros para definir quem segue no processo rumo à vaga. 

Pensar em um banco de talentos também é bem importante.

Portanto, aplicar essas dicas aos seus processos podem ajudar bastante a melhorar seu recrutamento e a jornada do candidato. Quando um candidato vira um colaborador ele se torna chave fundamental para o sucesso da empresa. 

Fazer com que os candidatos tenham boa experiência durante o processo seletivo, mesmo para os não aprovados pode fazer com que eles queiram voltar em uma próxima oportunidade, e isso melhora o employer branding da empresa.

Gostou deste conteúdo? Quer receber mais conteúdos como este? Assine nossa newsletter e receba no seu e-mail todas as novidades e dicas para melhorar o seu RH. Assine agora mesmo!